GT3 – Capacidades e performance

O Objeto de Pesquisa identificado é o PREPARO DE CONTINGENTES MILITARES BRASILEIROS AO LONGO DA MINUSTAH (2004-2017). O objetivo geral caracterizar-se-á pela análise da evolução do preparo de contingentes militares brasileiros empregados nesta missão. E os objetivos específicos serão:

  • Analisar os diferentes módulos e temas que foram criados durante o preparo.
  • Analisar as mudanças nas estruturas internas do Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB).
  • Avaliar os resultados obtidos

A Metodologia empregada para atingirmos estes objetivos deverá basear-se no levantamento de dados junto às principais estruturas do CCOPAB responsáveis pelo preparo dos contingentes militares: Divisão de Doutrina, Divisão de Educação e Treinamento, Divisão de Avaliação e Divisão de Tradutores e Intérpretes. Indicadores: Diretrizes Gerais, Estágios, Planos de Disciplina, Quadros de Trabalho, Criação/Evolução de Estruturas, Avaliações de Desempenho.

As entrevistas serão utilizadas para a identificação de pessoal que participou das diferentes fases do CCOPAB. Desta forma, poderemos recobrir a ausência de documentação com o testemunho daqueles que participaram de todo o processo evolutivo.

O Referencial Teórico deverá compreender o embasamento utilizado pelas estruturas citadas no desenvolvimento de suas atribuições. Assim, a Divisão de Doutrina analisará se a Doutrina Capstone, alicerce dos conceitos apresentados pelo Relatório Brahimi (2000), que estabeleceu os novos parâmetros empregados nos mandatos robustos sob o Capítulo VII da Carta ONU, foi aplicada na fase de preparo. A Divisão de Educação e Treinamento poderá verificar se o Core Pre Deployment Training Material(CPTM), material didático disponibilizado pela ONU e considerado básico para o preparo de todo pessoal empregado em Operações de Paz, foi corretamente seguido, identificando sua evolução ao longo do tempo. A Divisão de Avaliação, a mais recente a ser criada, apontará dados estatísticos construídos por pesquisas aplicadas durante o preparo e, também, por visitas realizadas no Haiti, já na fase de emprego, com o objetivo central de avaliar se o preparo dos contingentes estava sendo realizado da melhor forma possível e o que poderia ser modificado. A Divisão de Tradutores e Intérpretes, identificando as principais razões de sua criação e importância, verificará os instrumentos didáticos mais adequados para a difusão do idioma inglês pelos diferentes cargos do contingente militar.

Desta forma, pretende-se alcançar os objetivos estabelecidos e registrar dados concretos que poderão servir de parâmetros para o preparo de contingentes em futuras missões que o Brasil vier a participar. Diferentes cenários, Mandatos e ameaças. Novos desafios, mas já mitigados por experiências anteriores.

 


 

2017-2018 – resumo da pesquisa sobre EQUIPES MÓVEIS DE TREINAMENTO:

A cooperação Sul-Sul do Brasil em treinamento para participação em OMP: as Equipes Móveis de Treinamento (EMTs) do CCOPAB